Vilãs do bat-universo ganham série própria

Absolutas...

Absolutas...

Paul Dini está de volta a DC! Bem… Na verdade eu acabei de conhecer o cara via Wikipedia, e descobri que o gordinho de óculos é um premiadíssimo roteirista, tanto de quadrinhos como de televisão.

Ele já ganhou dois Eisner Awards, um deles por Mad Love (1994) – que eu por sinal dei uma folheada esses dias em alguma livraria – que mostra um pouco da relação da Arlequina com o Coringa, e cinco Emmys por séries animadas, como Batman: The Animated Series e Batman Beyond.

Ele volta a editora DC novamente para o bat-universo, na fase pós-morte-do-Bruce-Wayne-mas-não-do-Batman.

Além do título Batman: Streets of Gothan, Dini também assinará a nova Gothan City Sirens, estrelando o trio de vilãs Mulher-Gato, Hera Venenosa e Arlequina – o cara adora a palhaça. Os desenhos são de Guillem March.

De cara é impossível não ficar tentado a rotular a série como a “Sex and the Gothan City”. E na verdade, para quem não gosta muito da DC, só estou fazendo esse post porque adoro revistas que abordam heroínas – nada contra as cuecas por cima das calças. Mas só de ler as primeiras páginas, eu já vejo a Sarah Jessica Parker pulando dos prédios de Gothan City com um chicote na mão. “I couldn’t help but wonder… Are superheroes costumes a new fetishism?”, ou algo assim.

E ai a Selina encontra a Hera Venenosa e as duas começam a conversar casualmente sobre como Gothan City está mais perigosa para mulheres como elas? Not funny…

Concordo que depois que a série marcou o imaginário popular, é difícil não comparar qualquer coisa que envolva um grupo de mulheres ao quarteto de novaiorquinas balzaquianas – pelo menos no começo -, mas é  complicado escrever sobre o sexo feminino sem cair em algo banal, leviano. Com super-heroínas ainda pode virar algo como, olha como eu uso meus poderes para não chegar atrasada ao meu encontro.

O próprio Dini confirma o tedioso mote da série, em entrevista para o site do CBR: “Gothan está um lugar mais perigoso esses dias. É difícil só se manter vivo. Mulher-Gato, Harley Quinn e Hera Venenosa já foram aliadas e inimigas ao longo dos anos, mas a essa altura elas percebem que há segurança em números grandes”. Insira bocejos aqui.

Sem falar que os desenhos do Guillem March são bem irregulares. Prefiro meu box completo de Sex and the City em qualquer ocasião.

Abaixo você confere um preview da história.

Fonte: CBR

Galeria


Anúncios

2 Comentários

Arquivado em Notícia no seu quadrinho

2 Respostas para “Vilãs do bat-universo ganham série própria

  1. Pingback: Conheça Marvel Divas e Gothan Sirens, novas séries femininas no mundo dos quadrinhos « Cada um no seu Quadrinho

  2. Caio

    Cara, me interessei pela série, mas como ela ainda n foi publicada no Brasil( e sei como as coisas demoram por aqui), gostaria de saber se vc poderia me informar como conseguiu acesso a série e aos links do post.
    Obrigado!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s