Arquivo da categoria: No meu quadrinho

Comunicado: Cada um no seu Quadrinho em 2011

Oi, gentem!

(Respira fundo)

Sim eu estou vivo, eu não fui abduzido, eu não fui mordido (ui) por algum inseto radioativo e passei a combater o crime. Eu não fui parar em uma realidade paralela, eu não virei um super-vilão, não fui assassinado e jogado em alguma vala escura de Gothan City.

O motivo para a desatualização desse blog querido é bem simples e acontece com muitas pessoas que acabam a faculdade: eu comecei a trabalhar PRA CARÁIO! E como o meu outro emprego é o que me sustenta em termos de quadrinhos, games, camisas legais e baladas, eu precisei escolher um dos dois.

Mas não se desespere. O Cada um no seu Quadrinho volta com tudo em 2011 e com mais posts do que eu posso dar conta. Nem que para isso eu tenha que virar uma amálgama de todos os Flashes, com o Mercúrio, com o Célere e todos os outros velocistas da história das HQs. Ou isso ou apenas ao custo da minha vida social e do meu sono – que já não andam muito bem das penas.

2011 já começamos com cabeçalho novinho e mais dedicação às notícias e principalmente as nossas seções!

Por enquanto é só!

Have a merry-fucking-Christmas! E que o próximo ano seja tudo de marvelous, neam? Sem falar que já mandei minha cartinha para o velhinho Noel pedindo o Ryianlicious de presente…

Fingers crossed!!!

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em No meu quadrinho

É pica, é pica, é rola, é rola, é rola… Uops! Um ano de Cada um no seu Quadrinho

Sim gente, o Cada um no seu Quadrinho está completando um ano nesta maravilhosa quarta-feira véspera de Parada Gay feriado, e eu nós só temos muito a comemorar. Olha os números de um ano de quadrinhos e muita pururina. Foram: Continuar lendo

3 Comentários

Arquivado em No meu quadrinho

Um novo dia

Começando mais um blog – jornalista adora ter um, jornalista iniciante, então, tem vários -, mas dessa vez com uma temática diferente.

Dessa vez usarei esse espaço para falar de uma de minhas paixões – eu já criei um literário e dois sobre cinema, então só faltava esse mesmo -, que são os quadrinhos.

Tá bem que o layout está precário, e vai ficar assim por um tempinho até achar alguém que me ajude a tornar esse espaço esteticamente agradável, mas os textos tentarão ser os mais bem cuidados – e divertidos – possíveis.

Eu sei que a concorrência está bem acirrada no ramo, mas estou começando esse projeto mais por prazer do que para ganhar arquiinimigos. Então deixemos as apresentações de lado e vamos aos quadrinhos.

2 Comentários

Arquivado em No meu quadrinho